Patrocínio da Corfio a estádios de futebol da 2ª divisão

O FUTEBOL E A ESTRATÉGIA DE MARKETING DAS INDUSTRIAS DE FIOS E CABOS

Muitos que construíram suas casas na década de 90 provavelmente escolheram fios e cabos da marca Lousano. A Lousano por muito anos foi a líder no mercado de fios e cabos e sua principal estratégia era o patrocínio a times de futebol conhecidos como o Corinthians, Vasco, Internacional.

Patrocínio da saudosa Lousano a times de futebol da 1ª divisão

Patrocínio da saudosa Lousano a times de futebol da 1ª divisão

A associação entre futebol e a industria de materiais de construção parece ser a fórmula do sucesso pois mesmo os produtos sendo iguais ou inferiores aos existentes no mercado o consumidor vai as lojas sedentos por aquele produto e não adianta tentar explicar as diferenças que o consumidor só tem olhos para aquelo.

Infelizmente a Lousano não teve um bom entendimento contábil e fiscal e depois de diversas tentativas de se restabelecer ela fechou de vez. Logo depois surgiram outras empresas e ocuparam a liderança na produção e namente dos consumidores.

Em 2014 a empresa lider em produção de fios e cabos é a Corfil, que se utiliza do marketing esportivo patrocinando jogos de futebol de times menores da 2ª divisão, ela optou por dar foco a série B, estando presente em diversos jogos.

 

Patrocínio da Corfio a estádios de futebol da 2ª divisão

Patrocínio da Corfio a estádios de futebol da 2ª divisão

 

Contudo a empresa que mais se assemelha as estratégias de marketing da antiga Lousano é a empresa Sil que esta no páreo para ocupar a liderança da Corfio. A Sil optou por patrocinar grandes times como o Santos e São Paulo.

Patrocinio Sil a times de futebol da primeira divisão

Patrocínio da Sil a times de futebol da 1ª divisão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>